Ator Giovanni Lombardo Radice (John Morgen) morre aos 68 anos de idade

Obituário

O ator Giovanni Lombardo Radice, também creditado como John Morgen, famoso por atuar em diversos filmes de terror, morreu no dia 27 de abril, aos 68 anos de idade. A causa da morte não foi revelada, mas recentemente o ator havia vindo a público falar que tinha problemas sérios com a cocaína.

Giovanni é mais lembrado por interpretar violões desprezíveis, que geralmente acabam tendo uma morte horrível. Ele estreou no cinema em Canibais do Apocalipse (1980), de Ruggero Deodato. Na época, ele usou o nome John Morgen, para ficar mais americanizado.

Morgen era o sobrenome de solteira de sua avó, e seus (composta por escritores e políticos famosos na Itália) o deserdaram e cortaram relações com ele por usar o nome da família em filmes de terror trash.

No começo dos anos de 1980 atuou em obras Pavor na Cidade dos Zumbis (1980), A Casa do Fundo do Parque (1980) e Canibal Ferox (1980). O ator costumava declaram que havia se arrependido deste papel devido ao fato do personagem ser extremamente racista, além disso, também se arrependia de um filme que usou de crueldade animal para a realização das cenas.

No cinema, atuou em filmes como O Escarlate Negro (1983), Impacto Mortal (1984), Uma Dupla Irreverente (1985), Deliria: Pavor em Cena (1987), Onze Dias, Onze Noites (1987), A Face (1987) e A Filha do Demônio (1991).

Ele também atuou em grandes produções, como Gangues de Nova York (2002) e no remake de A Profecia (2006), onde interpretou o Padre Spilleto. Ele também interpretou o Rei Herodes na minissérie Paulo de Tarso (2000).

Giovanni Lombardo Radice em A Profecia

Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube
Siga também nosso Instagram
Siga também no Kwai

Ajude o site a se manter no ar, contribua com qualquer valor no PIX contatomemoriacine@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *